sexta-feira, 9 de novembro de 2007

O que o Tutor necessita para avaliar corretamente?

A avaliação do Tutor é essencial na EAD. A interatividade é um importante aspecto da avaliação realizada por este profissional, No entanto, o acompanhamento, a regulação, o feedback, a re-construção, a re-significação de conteúdos fazem parte do complexidade de fatores que devem ser levados em consideração ao avaliar a educação mediada por tecnologias.

O vídeo de Werciley Silva apresenta características da avaliação realizada pelo Tutor, num ambiente virtual de aprendizagem (AVA), com diversas ferramentas. Além de tudo, a apresentação é por demais simpática.

Não deixem de assistir e comentar!


http://www.youtube.com/watch?v=y6BCljHcjL8

Blog indicando blog


Vou indicar aqui dois blogs maravilhosos para saber mais do tema em questão.

Quanto mais, melhor, não é mesmo?

Este é de nosso colega Werciley Silva. Atraente, interessante, fluido e bastante informativo:



Já esse é da colega Mary Sue. Colorido, dinâmico e com vários recursos interessantes:



Deliciem-se!!!

Como tem sido preparado o Tutor?

A depender da instituição, a forma de avaliação do Tutor é muito diferente uma da outra.

Cutucando na internet, encontrei um material da UNISUL, contendo um conjunto de oficinas acerca da EAD. Recortei uma parte de uma oficina, que aqui se segue.


O feedback na educação a distância: ferramentas desempenho e tutor
Conteúdos: O Feedback como instrumento de motivação e aprendizagem na EaD. Tipos de feedback. O Feedback nas ferramentas do AVA: Tutor e Desempenho.


Carga Horária: 12h/a

Objetivos: Capacitar
o professor tutor para a elaboração de feedbacks para as dúvidas, críticas, sugestões e atividades de avaliação a distância enviadas pelos alunos nas atividades a distância.


A ênfase geralmente dada à capacitação de tutores diz respeito principalmente ao feedback. O mesmo precisa atender a critérios, como:
* Funcamentação;
* Delicadeza;
* Clareza;
* Objetividade;
* Possibilidade de diálogo.

Você acha que outros aspectos devem ser elencados? Então me ajude! Estou aguardando.
Abraços.

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Conjecturando...

O tema avaliação é muito discutido na área educacional. Independente da modalidade, tanto estudantes quanto professores sentem dificuldade nesta ação pedagógica.

Muito se tem falado na avaliação formativa, contínua, processual como o modelo mais ajustável ao processo de aprendizagem. No entanto, a própria discussão do que seja processo de ensino-aprendizagem tem sido ressignificada.

Tem-se proposto que a avaliação visualize, considere o processo, o meio da caminhada. Mas entender a valiação assim menospreza outras etapas como o início e o fim de um dado sistema.

Por isso, entendo que a avaliação diagnóstica, que visa identificar perfis, possibilidades e limitações faz-se necessária não a fim de por aí culpabilizar o educando, mas encaminhá-lo apartir do que se percebe neste início.

Da mesma forma, avaliações finais ou prognósticas permitem ao educador e educando a visibilidade do fechamento de um ciclo. Obviamente não se refere ao término da aprendizagem, pois aqui se traria um paradoxo para a aprendizagem significativa que caminha para além da sala de aula presencial ou virtual.

A meu ver, processo diz respeito a início, meio e fim. Deste modo, a avaliação precisa percorrer todos estes caminhos. Isso não tira de foco a também necessidade de se discutir a metodologia, as estratégias, os intrumentos e a postura mais adequados à aplicação ou vivência da avalaição nestas etapas.

Você concorda com a avaliação ao final do processo?

terça-feira, 23 de outubro de 2007

Avaliação Educacional mediada por Tecnologias

Dêem uma espiadinha e uma comentadinha também!

Até à próxima!


video

sábado, 13 de outubro de 2007

Iniciando...




Olá a todos...

Neste espaço vamos conversar sobre o papel que este grande ator da EAD, o TUTOR, desenvolve na avaliação em Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs).

Iniciaremos tratando de características da avaliação no processo de aprendizagem, analisando aspectos da mesma na EAD, tentando delinear as habilidades e postura necessárias à tutoria neste tema tão complexo da educação.

A opinião dos "navegadores" será de extrema importância para aportarmos em águas tranquilas, visando principalmente não a formulação de um modelo de análise para o tutor na avaliação, mas principalmente a discussão do tema, que possibilitará diferentes olhares para o movimento de aprendizagem dos educandos.

No artigo Avaliação em EAD via Internet, vemos uma discussão sobre o Papel do Avaliador, que pode nortear nosso diálogo. Veja e volte para opinar.

Abraços e até a próxima!